Concreto usinado ou concreto manual?

Quando vamos construir ou reformar, logo surge a dúvida: devo apostar no concreto usinado ou preparar a mistura no canteiro de obras?

Enquanto algumas pessoas defendem que ambos cumprem seu papel, outras acreditam que não é possível substituir o concreto usinado em termos de qualidade. Para ajudar na sua escolha, separamos alguns itens que devem ser previamente analisados.

  • Confia na experiência do pedreiro para preparação do concreto virado em obra?

Apesar de ambos serem resultado da mistura de água, cimento, pedra, areia, o concreto usinado tem como diferencial os aditivos e adições em sua mistura e tem como principal, o uso de cada elemento nas quantidade corretas,  através de ensaios realizados por profissionais (Engenheiros e Técnicos), todos de acordo com as normas, o que pode ser praticamente impossível ser realizado no canteiro de obra. Essas quantidades são extremamente importantes para garantir a resistência e durabilidade do produto final.

  • Está com pressa para finalizar a obra?

Enquanto o concreto usinado chega pronto para utilização, o concreto manual demanda mão de obra, equipamentos para preparação, que podem acabar tornando o produto mais caro, também demandam de espaço para armazenagem e tempo de produção. Por isso, mesmo sendo considerado financeiramente “mais em conta”, o concreto manual possui contrapontos que merecem atenção se você deseja agilidade e qualidade.

  • Custo!

O concreto virado em obra, tende a ser mais barato e se bem feito, pode servir perfeitamente para sua necessidade. Mas se ainda está com dúvidas e compreendeu todos os benefícios do concreto usinado, faça um orçamento com a G10 para entender mais sobre a viabilidade deste produto na sua obra. Talvez, seja interessante para você ganhar agilidade. Afinal, tempo também é dinheiro.

Dica G10: Quando for receber o concreto usinado, prepare o local, ou seja, oriente o pedreiro para fazer as marcações e deixar as estruturas feitas de barras de aço armadas e limpas. Com essas medidas, há melhor aproveitamento do material!

Concreto Permeável

O concreto permeável possui um elevado índice de vazios, possibilitando a permeabilidade das águas de precipitações sem destinarem-se as galerias das cidades que em sua maioria estão saturadas, evitando enchentes e reabastecendo os lençóis freáticos. Pode ser usado em locais de menor solicitação de cargas pesadas, como estacionamentos, ciclovias, vias de passeio, asfalto, entre outros.

Nos dias atuais, a busca por novas tecnologias vem sendo cada vez mais almejada na construção civil. Um dos materiais mais utilizados nesse segmento é o concreto convencional, que por característica não é totalmente permeável, ocasionando impactos voltados ao meio ambiente, como a saturação das galerias pluviais, assim provocando alagamentos e não possibilitando o retorno dessas águas para os lençóis freáticos.
O concreto permeável se tornou uma opção inteligente e regulamentada (ABNT 16416:2015) para absorver a água de forma econômica, sustentável e inteligente, assim minimizando os problemas em grandes metrópoles.

Como funciona

O concreto permeável permite que a água das chuvas passe através dele e seja armazenada nas camadas inferiores do solo, até ser conduzida ao lençol freático ou então podendo ser estocada, para fins de reuso, através de um sistema de drenagem. Sem perder espaço de pavimentação, tem-se uma área pronta para absorver precipitações, evitando enchentes e realimentando o aquífero subterrâneo.

Locais para aplicação

O pavimento permeável não é resistente ao tráfego pesado e repetitivo dos veículos. Desta forma, deve ser utilizá-lo, por exemplo, em áreas de estacionamento, parque, jardins, via para pedestres, campo de futebol (abaixo da grama para drenagem), etc.

Desvantagens

Não tem função estrutural;
É mais caro comparado ao concreto convencional;
Necessita de uma preparação do local onde vai ser aplicado, assim aumentando a mão de obra;
Enquanto o concreto tradicional possui propriedades que o enrijecem com o passar dos tempos, tornando-o mais resistente, o concreto permeável acaba por granular e cria vazios em seus espaços. Por isso, o concreto permeável não substitui o concreto convencional em qualquer tipo de obra, visto que cada um tem seus benefícios e utilidades. Por isso, conhecer os materiais é essencial para melhor aplicá-los.